Home » Queda de Cabelo nas Mulheres » Transplante capilar feminino
transplante capilar feminino

Transplante capilar feminino

Ainda que a calvície seja um problema erroneamente associado à comunidade masculina, a realidade é que o mesmo pode, também, manifestar-se nas Mulheres. Estima-se que cerca de 50% das Mulheres acima dos 40 anos apresente problemas de enfraquecimento capilar. Para a resolução do problema, também existem métodos de transplante capilar direccionados para as Mulheres.

Transplante capilar feminino: Em que consiste?

Tal como nos Homens, a causa da queda de cabelo pode ser o resultado de um número muito diversificado de factores, que podem actuar de forma isolada ou até mesmo em conjunto. No entanto, nas Mulheres, a incidência de de calvície genética é muito mais reduzida do que nos Homens, havendo outros factores que tendem a desempenhar um papel importante no desenvolvimento de queda de cabelo nas Mulheres. Tal como nos Homens, o problema pode ser parcialmente corrigido através de um transplante capilar, mas só em casos muito específicos.

Como funciona?

Um transplante capilar feminino decorre de um modo  praticamente idêntico ao masculino, na medida em que a zona receptora é preenchida com os folículos capilares retirados da zona doadora da paciente, que geralmente não é afectada pelo código genético da calvície. Para que o procedimento dê origem aos resultados pretendidos é importante que os cabelos da região doadora apresentem um bom nível de qualidade e estejam também em número suficiente para que a zona calva possa ser totalmente preenchida. Caso os cabelos da região doadora não se apresentem em número suficiente, terá de ser definida uma zona prioritária da região receptora para a qual os folículos serão transplantados. Dependendo do método utilizado, esta cirurgia poderá ou não deixar cicatrizes visíveis. No entanto, tende a revelar-se totalmente indolor para a paciente, uma vez que é executada com recurso a anestesia local.

A quem se destina?

É importante deixar bem claro que nem todas as Mulheres se revelarão elegíveis para uma cirurgia de transplante capilar, uma vez que este é um procedimento destinado a tratar a calvície definitiva, geralmente causada por factores genéticos. Por esta razão, é importante que seja efectuado um diagnóstico muito cuidado do problema da paciente, de modo a que se possa determinar se a mesma deve ou não submeter-se a um transplante capilar. Uma boa percentagem dos casos de queda de cabelo entre as Mulheres não são causados por factores genéticos e podem ser combatidos através de tratamentos menos invasivos. Um diagnóstico errado dos factores por detrás da queda de cabelo pode dar origem a problemas ainda mais sérios, pelo que, é importante que esta cirurgia só seja considerada como uma opção viável caso se conclua que não existem mesmo outras soluções para o problema.

Desordens hormonais acentuadas, stress, menopausa e fortes carências nutricionais são alguns dos factores que também podem contribuir para o enfraquecimento capilar na mulher. Nestas situações, existem outros tratamentos aos quais se deve recorrer para o tratamento da queda de cabelo. Em muitos destes casos, é possível travar a queda e recuperar uma boa percentagem, ou até mesmo a totalidade do cabelo perdido sem qualquer tipo de intervenção cirúrgica.

Veja também

O stress e a queda de cabelo

O stress e a queda de cabelo

Já há muito que o stress é reconhecido como sendo uma das principais causas da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *